Conheça os primeiros sintomas da gravidez

Os primeiros sintomas da gravidez

Os primeiros sintomas da gravidez são fundamentais para que as mulheres procurem um médico e tomem todos os cuidados necessários para uma gestação tranquila. Quanto mais cedo esse diagnóstico for feito, melhor. Com isso, o pré-natal começa logo no início da gravidez para evitar qualquer tipo de problema.

É possível começar uma nova dieta, baixar os níveis de glicose e gordura no sangue, evitar a prática de exercícios intensos, como a musculação, entre outros cuidados. E para que tudo isso seja feito, saber identificar quais são os primeiros sinais da gestação é essencial.

Para te ajudar, neste post, mostraremos os principais sintomas da fase inicial da gravidez. Assim, você poderá identificá-la rapidamente e terá uma gestação segura. Acompanhe e saiba mais!

Quais os primeiros sintomas da gravidez?

Antes de descrever os sinais e sintomas da gravidez é preciso fazer uma observação: se qualquer deles vier com forte intensidade, nada melhor do que procurar um médico. Dor muito forte pode ser um sinal de alerta, além disso, o especialista poderá prescrever uma medicação para amenizar ou eliminar o incômodo.

1. Sono em excesso

A partir do segundo mês de gestação, é bastante comum que a grávida sinta mais sono do que o normal. Ainda que você não tenha uma rotina cansativa, ao final do dia se sentirá fadigada e exausta. Além disso, terá maior dificuldade para acordar no mesmo horário e vontade de ir para a cama mais cedo.

Nesse caso, o melhor a se fazer é aceitar que o seu corpo precisa poupar energia para o desenvolvimento do feto. Portanto, sempre que puder, durma mais e evite ir a festas ou outras situações sociais. Esse sintoma não demora muito para passar.

2. Cólicas abdominais

É um sintoma bastante comum e normalmente aparece após o segundo mês da gestação. As cólicas são resultado de mudanças físicas que acontecem no útero, o que pode ocasionar contrações. Você também pode sentir uma sensação de “peso” na parte inferior do abdômen.

Como a causa desse sintoma não é algo causado por um fator externo e que possa ser removido do seu dia a dia, o máximo que pode ser feito é ir ao médico. Ele passará um medicamento para aliviar as cólicas.

3. Dor nas mamas

Outro sintoma que também é bastante comum e surge a partir do segundo mês é a dor nas mamas. Elas ficam mais sensíveis e maiores e, por isso, a dor acaba aparecendo. Algumas vezes, até mesmo o contato com o sutiã pode se tornar um incômodo.

Por ser consequência de uma mudança hormonal, não há como evitar que isso aconteça. O que você pode fazer é passar mais tempo em repouso e apostar em sutiãs que promovem maior sustentação. Parar as atividades físicas por um certo tempo, até a dor passar, também é uma boa alternativa.

4. Vômitos e náuseas

Se tem um sintoma que é bem típico de grávidas e que aparece constantemente são os enjoos. Eles aparecem entre a 6ª e a 12ª semana de gestação, porém, algumas mulheres podem senti-lo até o quinto mês. Há casos que podem se tornar graves, impedindo até mesmo que a gestante se alimente.

Para driblar não apenas a náusea como também os vômitos, você pode evitar comer muito nas principais refeições, aproveitar os momentos em que não está enjoada para comer algo, já que o sintoma pode surgir pela falta de comida, e evitar comidas apimentadas ou gordurosas.

Você percebeu que identificar os primeiros sintomas da gravidez é muito importante para garantir os cuidados necessários com a sua saúde e a do bebê desde as primeiras semanas?

Você gostou do post? Então siga-nos no Twitter e curta nossa página no Facebook para conferir mais assuntos interessantes como esse para ajudar outras futuras mamães a passarem por esse momento da melhor forma possível!

 

Compartilhe:

One Comment

  1. […] que demora cerca de 20 minutos para iniciar o bloqueio efetivo. É especialmente recomendado para grávidas, crianças, bebês e quem possui […]

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *